Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.tede.universidadefranciscana.edu.br:8080/handle/UFN-BDTD/579
Tipo do documento: Tese
Título: SISTEMA MULTIAGENTE PARA AVALIAÇÃO DO EFEITO DE AGLOMERAÇÃO EM NANOPARTÍCULAS POLIMÉRICAS
Autor: Zamberlan, Alexandre de Oliveira
Primeiro orientador: Fagan, Solange Binotto
Primeiro coorientador: Bordini, Rafael Heitor
Primeiro membro da banca: Dhein, Guilherme
Segundo membro da banca: Morisso, Fernando Dal Pont
Terceiro membro da banca: Laporta, Luciane Variane
Quarto membro da banca: Santos, Cláudia Lange dos
Resumo: Produção e caracterização de nanopartículas poliméricas (NPPs), dispersões coloidais, são processos que exigem tempo e habilidades técnicas para produzir resultados precisos. Simulações computacionais em Nanociência têm auxiliado nesses processos, fornecendo suporte e agilidade para alcançar melhores resultados. Neste trabalho, o desafio foi mostrar, previamente, por simulação computacional, o comportamento de aglomeração, que pode indicar instabilidade em um sistema nanoparticulado. As NPPs podem ser utilizadas para transporte e entrega de fármacos em diversos tratamentos. A área da Computação possui métodos baseados em comportamentos advindos da natureza, como sistemas de comportamento coletivo inteligente ou Sistemas Multi-agentes (SMA). O uso dessa abordagem facilita a implementação de sistemas reais que necessitam de observação de comportamento específico, pois se pode programar individualmente cada agente para que perceba outros agentes, o ambiente e responda a essas percepções de forma que o comportamento do sistema observado surja a partir das interações desses agentes. Dessa forma, o objetivo do trabalho foi avaliar o efeito de aglomeração de nanopartículas poliméricas, por meio de projeto, implementação e testes de um ambiente de simulação com o uso da abordagem SMA. A metodologia de pesquisa empregada foi simulação computacional amparada por estudo de caso, em que foi construído um ambiente de simulação com funcionalidades de produzir interações entre partículas a partir de um conjunto reduzido de parâmetros físico-químicos, que garantam o movimento Browniano, relacionado ao modelo estocástico, que muitas vezes é chamado de teoria da partícula. O ambiente, nominado de Multi-Agent System for Polymeric Nanoparticles (MASPN), vem sendo desenvolvido de acordo com a metodologia Feature Driven Development (FDD) de projeto de software e a metodologia de Sistemas Multiagentes. Também, foram utilizados o pacote de simulação orientada a eventos algs4 e o ambiente de construção de agentes JASON, todos integrados pela tecnologia Java. Sendo assim, o ambiente MASPN surge como o principal resultado desta investigação, pois é uma ferramenta de simulação alternativa, contendo interface gráfica com parâmetros físico-químicos integrados, gráficos de distribuição e animação de partículas sob o modelo matemático de partícula. Os parâmetros tratados nas simulações são diâmetro, distribuição de tamanho, carga elétrica de superfície, massa, teor do fármaco e pH. Finalmente, o ambiente de simulação proposto com a integração de áreas, metodologias e tecnologias pode ser considerado um recurso na produção e na caracterização de nanopartículas poliméricas, uma vez que as simulações executadas no MASPN e relatadas neste trabalho tiveram resultados significativamente positivos. Além disso, pode-se afirmar que cientificamente esta investigação proporciona perspectivas de trabalhos futuros tanto na Farmácia, Química, Física quanto na Computação.
Abstract: Production and characterization of polymer nanoparticles (PNPs), colloidal dispersions, are processes that require time and technical skills to produce accurate results. Computational simulations in Nanoscience have aided in these processes, providing support and agility to achieve better results. In this work, the challenge was to show, previously, by computational simulation, the agglomeration behavior, which indicates instability in a nanoparticulate system. These PNPs are used for transport and delivery of drugs in various treatments. The Computing area has methods based on behaviors derived from nature, such as systems of intelligent collective behavior or MAS. Such systems are composed of agents - programs - living in society, which interact with each other. This approach facilitates the implementation of real systems that require observation of specific behavior, since each agent can be programmed individually to perceive other agents, the environment and respond to these perceptions so that the behavior of the system arises from the interactions of these agents agents. Thus, the objective of the work was to evaluate the agglomeration effect of polymer nanoparticles (PNPs) through design, implementation and testing of the simulation environment using MAS theory. The methodology used was computer simulation supported by a case study. For the case study, a simulation environment was constructed with functionalities to produce interactions between particles from physical-chemical parameters, that guarantee the Brownian movement with elastic and inelastic collisions. This environment, named "Multi-Agent System for Polymeric Nanoparticles" (MASPN), has been developed according to the Feature Driven Development (FDD) methodology of software design and the methodology of Multi-Agent Systems. In addition, we used the event-oriented simulation package algs4 and the JASON agent building environment, all integrated by Java technology. The package has implementations of various functions for scientific computing and event-oriented simulation, including resolution of particle-particle and particle-wall collisions, obeying the stochastic model of Brownian motion. The MASPN environment emerges as the main result of this research, since it is an alternative simulation tool, containing graphical interface with integrated physicochemical parameters, distribution graphs (particle size, particle zeta potential and environment pH), particle animation under the Brownian mathematical model.The parameters of the simulations, for evaluation of the agglomeration effect, are size, size distribution, surface electric charge, mass, drug content and pH. Finally, the simulation environment designed and built, integrating areas, methodologies and technologies, can be considered a resource in the production and characterization of polymer nanoparticles, since the simulations performed had significantly accurate results. In addition, we can be stated that scientifically this research provides perspectives of future work in Pharmacy, Chemistry, Physics and/or Computing.
Palavras-chave: Nanociência. Caracterização de Nanopartículas. Ciência da Computação. Simulação Orientada a Eventos. Agentes Inteligentes
Nanoscience. Characterization of Nanoparticles. Computer Science. Event-Oriented Simulation. Agents.
Área(s) do CNPq: Biociências e Nanomateriais
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Franciscana
Sigla da instituição: UFN
Departamento: Biociências e Nanomateriais
Programa: Programa de Pós-Graduação em Nanociências
Citação: Zamberlan, Alexandre de Oliveira. SISTEMA MULTIAGENTE PARA AVALIAÇÃO DO EFEITO DE AGLOMERAÇÃO EM NANOPARTÍCULAS POLIMÉRICAS. 2018. 164f. Tese( Programa de Pós-Graduação em Nanociências) - Centro Universitário Franciscano, Santa Maria - RS .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://www.tede.universidadefranciscana.edu.br:8080/handle/UFN-BDTD/579
Data de defesa: 23-Mar-2018
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Nanociências

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese_AlexandredeOliveiraZamberlan.pdf13,88 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons